Quem precisa realizar mudanças e reparos em um estabelecimento deve planejar todos os detalhes da reforma. Ponto comercial, escritório, armazém… todos são locais que não podem ficar parados por muito tempo, pois impactam diretamente na lucratividade e percepção da marca perante os clientes.

Para que isso não aconteça, o ideal é se cercar de pessoas capacitadas, estudar a legislação local e estar disposto a enfrentar imprevistos. O seu negócio tende a ganhar eficiência e modernidade com uma reforma bem executada.

Confira nossas dicas de como reformar um estabelecimento comercial com rapidez e qualidade. Boa leitura!

Confira as razões de reformar um ponto comercial

Alguns empresários e lojistas deixam adequações do espaço apenas para último caso. O que pode acontecer durante a reforma é essa procrastinação acarretar ajustes mais complexos. Isso, além de gerar gastos maiores, pode dificultar o acesso do cliente à loja ou proporcionar uma péssima experiência de compra. 

O melhor é realizar manutenções periódicas sempre que preciso, de forma a evitar o fechamento do ponto por longos períodos. A reforma pode ser também boa alternativa para melhorar o visual do estabelecimento, otimizando áreas de circulação, banheiros, entradas e fachadas. 

Aproveite os conselhos de quem entende do assunto

Reformar dá trabalho, custa caro e exige organização. É importante buscar informação antes mesmo de começá-la, para que as adequações atendam a normas legais, regimentos internos do edifício e não traga problemas futuros. Veja alguns toques para garantir o sucesso e prazo da sua obra.

1. Faça um cronograma

E procure segui-lo rigorosamente. Estipule algumas fases e estime o prazo que a equipe levará para concluí-las. É interessante também pagar os prestadores semanalmente ou a cada entrega, para estimular o cumprimento da meta. Cada dia extra com portas fechadas — total ou parcialmente — contam negativamente para o faturamento da empresa.

2. Crie uma logística 

Será preciso readequar toda estrutura da loja para uma área menor. Em função disso, pense no mobiliário e equipamentos ideais para ocuparem esse espaço.

Programe a entrega dos materiais fora do horário de pico e faça o possível para facilitar o acesso de carros e clientes ao local. Estruture a reforma de acordo com as particularidades do seu modelo de negócio e acompanhe de perto, fazendo ajustes se preciso.

3. Verifique a legislação

Além das normas legais de construção, alguns critérios serão exigidos do novo espaço, de acordo com seu segmento de atuação. Por isso estude — ou contrate um especialista — sobre critérios ligados à vigilância sanitária, acessibilidade, precauções contra incêndio ou outros temas a que sua reforma precise atender.

4. Crie uma reserva orçamentária

Mesmo com um plano de custos em mãos, surpresas podem acontecer. Um descuido com o encanamento ou problemas na elétrica do ponto comercial podem acrescer as despesas significativamente. Tenha uma reserva de cerca de 10% do valor da obra para não comprometer o andamento. Já pensou ter que adiar a inauguração por falta de dinheiro?

Veja como uma empresa especializada otimiza o processo

Ter uma equipe profissional — acompanhando e executando a reestruturação — é crucial para garantir a execução do cronograma e não extrapolar o orçamento. Pode ser arriscado deixar o serviço nas mãos de um único empreiteiro. Já uma empresa une expertise, técnica e conhecimento multidisciplinar em suas entregas, resultando em um trabalho mais justo e competente.

A Refit Engenharia, por exemplo, é referência em reformas prediais conforme a NBR 16280. Tem equipe própria de segurança do trabalho e estrutura para diferentes demandas, oferecendo suporte e acompanhamento por completo. Com a parceria, seus clientes podem seguir com a rotina e o próprio trabalho. 

Percebeu como é possível evitar transtornos e desperdícios ao reformar ponto comercial? Siga corretamente o plano de reforma, redobre os cuidados com segurança e mantenha uma reserva para o caso de emergências. Claro, procure apoio profissional se perceber que a tarefa ultrapassa as suas possibilidades.

Gostou das nossas dicas de como reformar ponto comercial e outros estabelecimentos? Então, entre em contato com um profissional da Refit Engenharia para tirar suas dúvidas ou solicitar um orçamento. Conte com o respaldo da engenharia civil no seu projeto! 

Comments 0

Leave a Comment